quinta-feira, 20 de março de 2008

Hoje está mesmo um dia de Vento do Norte,
sinto-me solta e liberta,
O vento bate e entra na pele,
todos esvoaçam na rua.... e o frio penetra.

16 comentários:

rps disse...

Eu tb gosto de vento. Acho que somos minoritários...

paula barros disse...

"sinto-me solta e liberta"
é muito bom sentir-se assim.

Elcio disse...

Para mts esse nosso corpo beira ser um estorvo. Como disse Tomaz Edison:
"Uso meu corpo apenas p carregar meu cerebro..."

Já outros, conseguem sentir liberdade...rss

É isso ai.
Bjs e feliz pascoa

Fernando Santos (Chana) disse...

Cara amiga, aqui no Ribatejo também está vento...Uma das mais belas formas da Natureza de nos fezer sentir Liberdade !
Votos de feliz Pascoa
Beijos

lupussignatus disse...

Há um sopro de liberdade que se agiganta cá dentro sempre que uma rajada de vento gélido nos beija a face...

Faz-nos sentir vivos!

Carol disse...

Não aprecio muito vento, mas como está sol não me incomodo muito!

Tiago R. Cardoso disse...

Mais um bom momento, hoje andei no Porto estava vento mas não me importei, magnifico vento do Norte.

Uma Santa Pascoa.

Anónimo disse...

Hoje é dia das palavras andarem soltas...

Podes apanhá-las no ar e ordená-las ao sabor do teu vento do norte!

E, porque não, homenagear a entrada na Primavera, com um poema celebrando o seu namoro com o Sol ou com o Vento?

Fica o repto...

bjnhs e Boa Primavera, neste dia da Poesia...


Just a friend

Claudia Sousa Dias disse...

E eu estarei esta noite em casa, quentinha...


Ontem não fui ver "O Assassínio de Jesse James pelo cobarde Robert Ford"...

beijinho e boa Páscoa!


CSD

Carlos Ramos disse...

Eu sou da terra do vento norte e sei do seu frio.
Bela sugest�o a tua sobre o Jo�o Negreiros.

Bj.

Dominique disse...

Neste mesmo dia, querida Dalaila, aqui em minha terrinha se inicia o Outono. Mas é uma estação mais calma, não tão bela com suas folhas secas caindo das árvores, nem os ventos que prenunciam que logo em seguida virá o inverno...

Mas é, ainda assim, a estação de que mais gosto, e quando falaste do Vento do Norte lembrei-me da renovação das estações.

Um abraço a ti e Boa Páscoa!

Miki disse...

Páscoa feliz, e se puderes passa pelo meu cantinho,porque tenho lá uma petição a favor do Tibete.
Obrigada e beijo

Alma Nova disse...

Esse vento frio que chega e quase congela a alma...
Desejo-te uma boa Páscoa!

SILÊNCIO CULPADO disse...

Dalaila
E a liberdade acontece por vezes no frio do vento norte.

No fustigar do vento redobram-se as forças de quem caminha.

Uma boa Páscoa, minha querida

ETÊS TUGAS ® disse...

De alma ao vento...a vida apanha-nos e leva-nos!

Dalaila disse...

Esse vento que são as voosas palavras, que não passam, mas que entram, neste e noutros dias sinto-o sempre o seu soprar.