sexta-feira, 16 de maio de 2008

Lugares meus


Imagem captada pelo RG numa viagem linda.

Há lugares que se tornam meus porque me vestiram por dentro,
sento-me neles vejo as pessoas e sinto-as,
percorro o lugar e encontro os recantos da minha pele,
pele que se arrepia com a beleza das palavras,
palavras que saltam em mim e me despertam,
e é nesse despertar que vivo os dias,
estes dias que são infinitos,
porque é este o tempo que me cabe,
é nestes ponteiros que o sangue corre à velocidade da vida,
vida que se sente na água que se banha no verde das árvores,
árvores que não me sombreiam porque a luz está dentro.

12 comentários:

Anónimo disse...

lindooooooooooooo...

beijos

Carol disse...

A-DO-REI!!!

~pi disse...

e porém, também a sombra é bela....:)

P-S disse...

Lindo! simplesmente Lindo!

lupussignatus disse...

há lugares

que nos habitam

Anónimo disse...

A luz, quando nasce, tem na sua origem um certo quê de doçura, amor e sabedoria pelo olhar dos feixes luminosos.
Está cada vez mais sábia!

Parabéns!Lindo!

bejinhos,

Just a friend

Tiago R Cardoso disse...

um belo lugar sem duvida, muito bem.

Edson Marques disse...

Belíssimo texto!


Sim, quase sempre a luz está dentro da sombra.


Abraços, flores, estrelas..

K disse...

Que os teus lugares sejam como a beleza das tuas palavras!

Beijo

Hanah disse...

lindoooooo...

beijo

Ad astra disse...

gosto deste teu lugar

tonsdeazul disse...

Sim. Há lugares que nos dizem tanto, que fazem parte de nós, que nos tocam e permanecem em nós por toda uma eternidade... E é bom que assim continue a ser.