sexta-feira, 17 de abril de 2009

Dentro do meu coração


Imagem: Silke Seybold

Trago dentro do meu coração,
Como num cofre que se não pode fechar de cheio,
Todos os lugares onde estive,
Todos os portos a que cheguei,
Todas as paisagens que vi através de janelas ou vigias,
Ou de tombadilhos, sonhando,
E tudo isso, que é tanto, é pouco para o que eu quero.


(excerto de António Gedeão)

6 comentários:

jg disse...

Olá, fugitiva!!!!

Continuas a vaguear a norte da Europa?!

Dalaila disse...

Olá JG!

Quem me dera, quem me dera!

Luísa disse...

Dentro do meu coração há umolhardeperto com selo para ti!
Beijinho terno!

~pi disse...

/ quero tudo

tudo-quero (





~

Marta disse...

ah, minha linda. Magnífico!

imagem e poema :)



ps: o teu post trumph, deu uma ideia! talvez te roube a imagem :)


beijo, princesa

My Silence disse...

Gostei muito do blog, da maneira como escreve e como exprime os seus sentimentos. Mas principalmente, do título. Continue assim.